Autoavaliação

Modelos de currículo

Modelos de currículo

Tenha em mente: se o que você faz até hoje é procurar por um "modelo" de currículo na internet e então simplesmente substituir algumas informações nele e logo em seguida sair enviando para todos os contatos que você acha que são de "RHs" das empresas. Saiba que você está fazendo de uma forma errada e com pouquíssimas chances de ter sucesso. Vamos continuar...

Existem alguns tipos de currículos que, se bem trabalhados potencializam e muito suas chances de ser chamado para uma entrevista. Com certeza algum tipo vai encaixar-se com o seu perfil e sim, você pode e deve usá-lo a seu favor!

Tenha em mente: o simples fato de você utilizar esse conhecimento colocará você à frente de muitos outros candidatos.

CURRÍCULO CRONOLÓGICO

Este tipo de currículo, como seu próprio nome indica, é aquele que organiza as informações cronologicamente, partindo das mais antigas e chegando até as mais recentes. Isso permite ao departamento de recursos humanos conhecer a evolução ascendente de sua  experiência profissional.

Pontos positivos:

  • Ressalta a estabilidade e a evolução ascendente de suas experiências profissionais, cargos ocupados, responsabilidades, tarefas desempenhadas e de destaque.
  • É o formato mais tradicional e aceito pela maioria dos departamentos de recursos humanos.
  • É fácil de ler e entender, já que está fortemente estruturado.

Pontos negativos:

  • Pode vir a ressaltar mudanças de trabalho, assim como a falta de promoções, mudanças de responsabilidades e até mesmo períodos de inatividade. Isso frequentemente obriga o candidato a dar muitas explicações, ou preencher "vazios" com informações que não têm importância para o cargo.
  • Pode fazer com que o recrutador foque na sua idade e não no que mais importa, sua aptidão para desempenhar as atividades que o cargo exige.
  • Pode apresentar a falta de reciclagem ou de atualização de formação.

Esse modelo de currículo é recomendado quando você dispõe de uma boa experiência laboral, não teve muitas mudanças de trabalho ou grandes períodos de inatividade.

Tenha em mente: se você trabalhou em alguma multinacional ou qualquer outra empresa muito reconhecida regionalmente ou nacionalmente, não se esqueça de destacá-la!

O currículo cronológico também pode apresentar uma ordem inversa, ou seja, destaca-se em primeiro lugar as suas últimas realizações e ocupações e depois parte para as experiências mais antigas. Essa é uma apresentação menos tradicional, mas que a cada dia está apresentando a preferência dos recrutadores, por mostrar de uma forma rápida sua situação atual, que pode vir a ser o que realmente interessa para quem está contratando.

CURRÍCULO FUNCIONAL OU TEMÁTICO

A diferença do currículo funcional ou temático do modelo cronológico está na distribuição das informações por temas. Essa forma permite proporcionar um conhecimento rápido de sua formação e experiência em um determinado âmbito.

Pontos positivos:

  • Centrado em suas capacidades e habilidades, mais do que nas suas experiências laborais.
  • Permite mais flexibilidade e liberdade na organização das informações de conquistas, além de facilitar a inclusão de outras informações relacionadas, como interesses ou motivações.
  • Pode ser interessante para ser utilizado com as novas tecnologias.
  • Não apresenta períodos de desemprego ou mudanças frequentes de trabalho sem que tenha havido alguma promoção.

Pontos negativos:

  • Não ressalta o nome das empresas em que já trabalhou, nem o seu tempo de trabalho.
  • Limita a descrição de cada cargo e suas responsabilidades.

O  modelo funcional é conveniente quando se quer acessar um setor profissional totalmente diferente, para o qual não é  relevante sua experiência laboral anterior, e sim suas  habilidades, capacidades e forma de trabalhar. Escolha esse tipo de currículo se, por exemplo, está há muito tempo sem trabalhar e quer voltar a se incorporar ao mercado de trabalho, se acaba de terminar um curso superior e não  tem experiência a comprovar, ou se mudou frequentemente de cargo de trabalho. Também é o mais adequado se possui alguma experiência como empresário, autônomo ou freelance.

CURRÍCULO LATTES E VITAE

O Lattes é um modelo de currículo acadêmico padrão no Brasil. Nele se pode encontrar registros profissionais e trabalhos acadêmicos de estudantes e pesquisadores de todo o território nacional.

O Curriculum Lattes foi elaborado nos padrões da Plataforma Lattes, desenvolvida pelo CNPq (Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico). Por causa de sua riqueza de informações, confiabilidade e abrangência é o formato exigido nas candidaturas à bolsas de estudos.

Na Plataforma Lattes é possível encontrar uma base de dados de currículos, de grupos de pesquisa e de instituições, tudo isso em um único lugar. Uma vez inscrito no site, as instituições de todo o país terão acesso ao seu currículo, o que facilita à busca por oportunidades na área desejada.

Já o Curriculum Vitae é menos detalhado que o Lattes, sendo esta a principal diferença entre os dois. O Curriculum Vitae aproxima-se do modelo Europeu, o Europass.

Tenha em mente: a maiorias das pessoas utilizam o modelo Lattes ou Vitae, sem ao menos buscar entender qual é a estrutura desses modelos e então modificam tudo, deixando-o sem organização nenhuma.

CURRÍCULO COMBINADO OU MISTO

É o mais completo dos quatro modelos, por isso, também o mais complexo de elaborar. Esse tipo de currículo  é uma mistura do cronológico e do temático.

Pontos positivos:

  • Destaca de forma clara suas capacidades e conquistas, junto com a sua experiência e formação.
  • Permite flexibilidade e criatividade, que auxiliam a não passar despercebido.

Pontos negativos:

  • Não é um bom formato para apresentar nos lugares que pedem formulários standard, como por exemplo, em páginas de trabalho na internet.
Tenha em mente: parta sempre do modelo funcional, organizando as informações por áreas temáticas ou profissionais, para chegar depois à organização do tempo. Dessa forma, se destaca as habilidades que você possui ao mesmo tempo em que se demonstra sua experiência e formação.

CURRÍCULO WEB

Outra opção criativa, que cada vez está ganhando mais seguidores na hora de buscar um trabalho é o Currículo Web pessoal. É uma página pessoal feita como um currículo, ou seja, como uma apresentação de suas habilidades, capacidades e objetivos em uma página de internet, para que qualquer empresário ou recrutador do mundo possa ter acesso a ela.

Esse engenhoso modelo de currículo tem a vantagem de aproveitar ao máximo as possibilidades do meio digital e suas características como suporte multimídia, atualidade, ausência de fronteira, etc.

Dessa forma, o suporte multimídia te permite incluir fotos, anexar documentos, fragmentos de voz ou até mesmo vincular sua página pessoal com seu vídeo-currículo. Além disso, conta com a vantagem de que você pode atualizá-lo a qualquer momento, acrescentando novos cursos que tenha feito, ampliando a experiência profissional ou reestruturando-o segundo seus interesses.

Por último, as próprias características do meio, sem nenhuma fronteira, faz com que você possa apresentar seu currículo a empresários de todo o mundo, sem que a distância física seja uma barreira.

O principal inconveniente desse tipo de currículo é a falta de costume da grande maioria das empresas, que ainda estão enraizadas ao sistema tradicional do currículo por papel. Por isso, recomendamos utilizar o currículo web como um complemento ao currículo tradicional em papel. Dessa maneira, incluindo o endereço web no texto do currículo, o recrutador pode acessar se tiver interesse em conhecê-lo melhor. Você pode até mesmo estar mostrando para o recrutador o quanto você foi cuidadoso em construir o seu currículo em papel colocando apenas o que era mais importante e relevante para o cargo, mas que disponibilizou uma forma do recrutador conhecê-lo melhor.

Tenha em mente: é necessário um currículo diferente para cada cargo ao qual você queira se apresentar, e isso requer tempo e boa vontade. Acredite, valerá a pana!
Por favor, efetue login para poder acessar o quiz
Atividades complementares à formação superior (Anterior)
(Próxima) Dicas para turbinar o seu currículo
Voltar para Autoavaliação

Sem comentários

Publique um comentário